Teoria do Futebol

Tudo sobre Futebol, os metodos, os conceitos, os princípios, 
os processos e toda a organização tatica do futebol!

Artigos

Periodizacao no futebol

Posted by Valter Correia on March 18, 2011 at 8:15 PM

       Periodizar, define-se como dividir em espaços de tempo ou períodos de extensão ou duração variável, ou seja, dá-se a construção por várias fases, evoluir por etapas.


       Periodização Convencional


       Nota-se que esta periodização segue algumas tendências. No leste da Europa, a tendência fomenta a força física, como dimensão desportiva da equipa e do jogador.  A norte da Europa também dão muita importância a este aspecto. No entanto, já se reconhece que a dimensão deve ser tratada consoante a especificidade da modalidade. Quer isto dizer que o nível físico dos jogadores depende de factores, como a posição.

       Seguindo em frente com o assunto, podemos estudar que o entendimento ou ligação da periodização no treino fundamenta-se em alguns aspectos. São eles: trabalho de preparação física como dominante: treino de força com cargas e pesos pesados; corridas em montes e praias; trabalhos de força efectuados na pré-época e pausas longas no campeonato; quase ausência da definição do modelo de jogo; pouca operacionalização da dimensão táctica e técnica, entre outros.


       Existem factores que influenciam este tipo de periodização. São eles:

  • a variação das condições climatéricas, ao longo do ano;
  • o calendário competitivo;
  • as fases da forma desportiva.


       Periodização tática




       Aplica-se o conceito da sinergia, que significa que o todo é a soma das partes. Portanto, na periodalização táctica, não existe nenhuma componente no treino que, isoladamente, seja mais importante que as outras. Assim, um plano táctico não é realizável se não assentar numa base táctica, com participação importante das habilidades física, cognitivas, técnicas e, sobretudo, psicológicas. Então, entende-se periodização como divisão do ano de treino em períodos particulares, definidos por objectivos. Isto quer dizer que existe a necessidade na construção e unificação de um modelo  técnico e táctico de jogo, a partir da observação e análise das equipas. Por fim, esta periodização engloba no treino as várias características (físicas técnicas tácticas e psicológicas).


       No geral, podemos concluir que, a periodização convencional apresenta algumas dificuldades, no que se refere ao elevado desempenho ou rendimento:

  • o período competitivo é demasiado longo (são nove meses);
  • as competições têm frequência elevada (3,4,5 jogos por mês);
  • desenvolvimento complexo de muitas habilidades em simultâneo;
  • numerosas posições específicas ou funções dentro do jogo;
  • não existem períodos de repouso alargados entre os ciclos de competições;
  • existem necessidades económicas e publicitárias que exigem realizar competições no período preparatório e transitório.

       E por fim, em relação ao trabalho de preparação física, este deve ser feito, com bola,  em três fases:

  1. treino dos grupos musculares específicos do futebol;
  2. desenvolvimento das capacidades técnicas e tácticas similares às de um jogo de futebol;
  3. esta forma de treinar produz maior motivação, relativamente à preparação sem bola.

 


      Confira alguns artigos relacionados

 

Categories: Treino

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

Already a member? Sign In

1 Comment

Reply Antonio carlos
7:52 AM on August 26, 2013 
Quero estar atualizado em relação a tudo sobre futebol, em iniciação esportiva, quanto a treinamento de alto nível (profissional).