Teoria do Futebol

Tudo sobre Futebol, os metodos, os conceitos, os princípios, 
os processos e toda a organização tatica do futebol!

Artigos

A analise ao Estoril Praia

Posted by Valter Correia on June 5, 2013 at 3:15 PM

 

       Anteriormente, já aqui publicamos relatórios enviados pelos nossos leitores, que dedicaram parte do seu tempo para dar a conhecer ao mundo quem são e o que sabem fazer. Desta vez, Vasco Empis, um miúdo apaixonado pelo futebol, decidiu, e com razão, enviar uma análise que ele mesmo fez ao Estoril de Praia. A análise não foi feita ontem, nem há dois dias, mas só a qualidade desta análise que foi feita por um moço ainda novo e não resisti a publicá-la. E Luis, muito obrigado!



 

       Organização Ofensiva


  • Jogam em 4X3X3, e o principal perigo desta equipa são os três avançados (Licá, Luís Leal e Carlitos). Estes três jogadores são muito móveis e rápidos, muito fortes no 1 para 1, têm facilidade em criar desequilíbrios
  • Atacam quase sempre pelas alas (é raro fazerem um ataque pelo corredor central)
  • Aproveitam a velocidade dos seus extremos para criar dificuldades aos laterais. Se conseguirmos anular os seus extremos, anularemos a sua principal arma.
  • Os laterais são muito ofensivos sobem frequentemente para ajudar a atacar (principalmente Jefferson-lateral esquerdo)
  • Os médios gostam de estar junto dos extremos, para criar superioridade em relação ao lateral adversário


       Transição Ofensiva


  • Optam por ataques rápidos, exploram a velocidade dos três homens da frente
  • Luís Leal gosta de cair nas alas nos contra-ataques. A bola é posta nas alas e este faz diagonais do centro para a linha para receber a bola.
  • São muito fortes no contra-ataque e os extremos gostam de ir para cima dos defesas
  • O papel dos médios (principalmente Evandro) é por a bola rapidamente numa das linhas para aproveitar a qualidade técnica e velocidade dos extremos


       Organização Defensiva

 

  • Um dos defesas centrais (Steven Vitória) tem qualidade para jogar numa equipa de nível superior, é muito bom jogador, mas o outro (Yohan Tavares) tem menos qualidade e é menos experiente. Podemos aproveitar isso fazendo o nosso ponta de lança cair para a zona de Yohan Tavares
  • O Estoril opta por defender baixando os dois extremos e ocupando os espaços no seu meio campo. Fazem pouca pressão sobre o portador da bola, preferem ocupar os espaços e ficar na expectativa
  • O ponta de lança Luís Leal gosta de cair sobre uma das linhas de modo a dar uma opção de passe logo que a equipa receba a bola.
  • Carlos Eduardo (médio interior) defende na mesma linha do médio defensivo Gonçalo, criando uma boa zona de pressão à frente dos centrais


       Transição Defensiva


  • É o ponto mais fraco da equipa, estão muitas vezes mal organizados e desequilibrados.
  • Isto acontece pois o Estoril envolve muita gente no ataque e quando perde a bola e sofre um contra-ataque é facilmente surpreendida
  • Podemos aproveitar as costas de um dos laterais (principalmente de Jefferson está constantemente no apoio ao ataque)
  • O Estoril envolve dois dos seus médios no ataque, ficando Gonçalo (médio defensivo) e mais três defesas (já que um dos laterais apoia sempre o ataque) responsáveis por defender quando o Estoril perde a bola. Estes quatro jogadores têm dificuldades quando a equipa perde a bola e o adversário explora o contra-ataque


       Notas Importantes

 

  • Têm muito bons executantes de livres diretos da zona central ou descaídos para as linhas. Tanto de curta distância (Steven Vitória, Carlos Eduardo) como de longa distância (Jefferson)


       Artigos relacionados


bet365

Categories: Observacao e análise

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

Already a member? Sign In

1 Comment

Reply Luís Armando
12:50 PM on June 21, 2013 
Muito bom!!
Parabéns Valter. Melhor (?) análise que eu já vi!!!! :p
Tens que vir ver um jogo da minha equipa para comentares.