Teoria do Futebol

Tudo sobre Futebol, os metodos, os conceitos, os princípios, 
os processos e toda a organização tatica do futebol!

Artigos

Mais um modelo de jogo baseado no sistema tatico 4-2-2-2

Posted by Valter Correia on May 8, 2013 at 3:55 PM

       Após a publicação do nosso modelo de jogo baseado no sistema tático 4-2-2-2, recebemos uma proposta de um dos nossos leitores de um modelo de jogo, também baseado em 4-2-2-2. O autor, Daniel Guimarães, é treinador de futebol brasileiro.


       A partir dos desenhos da formação 4-2-2-2 e as suas variações durante o jogo, a idéia é distribuir os jogadores de uma maneira versátil e que utilize a compactação na marcação assim como uma fácil saída de bola em uma eventual roubada da mesma. A formação dos triângulos em sua totalidade é o suporte para que o time efetue as armadilhas do jogo durante as transições defensivas e ofensivas, assim como nos momentos ofensivos e defensivos. Outro ponto importante a ser utilizado neste sistema é a utilização da flutuação, o que pode abrir alguns espaços nos corredores laterais ao adversário em determinadas situações do jogo, mas que ao mesmo tempo, consegue realizar uma recomposição da equipe rapidamente.


       Variações do 4-2-2-2



 Fig. 1: 4-2-2-2

 

  

Fig. 2: 3-2-2-3: Momento Ofensivo pelas pontas: Neste caso o exemplo é o próprio atacante que se encontra com a posse de bola, pronto para fazer a área, passar para o companheiro que completa o triângulo ou invadi-la para a finalização. A organização dos companheiros permite-lhe escolher entre variadas opções de jogadas coletivas, o que em qualquer descuido da equipe em defesa no jogo pode ser fatal.

 

 



 Fig. 3: 3-2-3-2: Basicamente o mesmo ocorrido no lance anterior, no entanto, quem possui a bola é o meia armador e, ao invés de abrir pelas pontas (atacante sem bola do lado oposto ao que a possui), o atacante se aproxima da região com posse de bola do seu time formando um losango, dando opções de passe curto ou cavada nas costas da zaga.

 

  

 

Fig. 4: 4-2-3-1: Neste caso o time forma a variação 4-2-3-1, com a bola sob posse do atacante em posição central do campo de ataque. Esta formação neste momento do jogo, traz os benefícios da aproximação dos jogadores, além da possibilidade de forçar o uso dos alas, mantendo a referência e o perigo do ponta de lança.



 

Fig. 5: Mesma situação citada acima, mostra apenas uma troca de posições entre o Atacante e o Meia. 

 



 

      

Fig. 6: Momento defensivo, no qual o jogador adversário acaba cercado pela equipe postada em defesa, forçando-o a tentar um passe em retrocesso ou inversão de bola para o outro lado do campo (o que ocasionaria a flutuação dos jogadores). Ao mesmo tempo, o meia armador bem posicionado em uma eventual recuperação de bola, tem a oportunidade de criar um lance de ataque fulminante, levando em consideração os 2 atacantes mais avançados (certamente uma bola nas costas da zaga ao centro e em direção ao gol ou a utilização da velocidade pelas laterais).

 Fig. 7: 4-3-2-1: A formação da pirâmide em geral pode ser entendida da seguinte maneira. As 2 linhas defensivas de 4 e 3 jogadores formam a base, o chamado cinturão defensivo. Desta forma, os trincos e meias são obrigados a pressionar e forçar o erro do adversário. Os espaços nos corredores serão fechados de acordo com a movimentação da bola, através da flutuação das linhas de 3 (em maior proporção) e da de 4. Por conta da compactação neste caso, a saíde de bola pode ser através de passes curtos e objetivos, visando diagonais e verticais.

 

  

Fig. 8: 4-3-2-1: Mesma situação citada acima, mostra apenas uma troca de posições entre um dos trincos e um dos meias.

 Fig. 9: 3-2-4-1: Um exemplo de saída de bola após a sua recuperação na formação anterior. A defesa se mantém postada e sobe para afastar a equipe adversária da sua baliza. O Lateral Esquerdo avança saindo para o jogo, auxiliando o meia possuidor da bola. O atacante referência se aproxima e facilita a jogada da equipe. Os trincos fecham a região central prontos para flutuar defensivamente em um caso de perda de bola. O meia que se encontrava em atrás, também avança ao ataque abrindo mais pela ponta oposta. Neste momento, as movimentações vão terminar formando uma das opções de formação ofensiva citadas anteriormente.

 


       Artigos relacionados




bet365

Categories: Modelo de jogo

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

Already a member? Sign In

1 Comment

Reply marcos ribeiro marques
8:43 PM on June 8, 2013 
aprender sistemas taticos do futebol