Teoria do Futebol

Tudo sobre Futebol, os metodos, os conceitos, os princípios, 
os processos e toda a organização tatica do futebol!

Artigos

Dicas importantes para a conducao de bola eficaz

Posted by Valter Correia on November 11, 2012 at 1:10 PM


        Após escrever um breve artigo sobre a condução de bola, e após o lançamento de dois livros sobre futebol, publicados pela comunidade Teoria do Futebol, publicamos hoje algumas dicas sobre a condução de bola no futebol. Antes de mais, a condução de bola pode ser classificada ação técnico-tática individual assim como método de jogo coletivo, porque algumas equipas servem-se da qualidade técnica de um determinado jogador para fazer a equipa adversária libertar espaços facilmente.


 


 

       Para que serve a condução de bola?

 

       Existem duas formas da equipa progredir no terreno: passe e condução de bola. A condução de bola é mais lenta que o passe, mas é mais segura, uma vez que um jogador está no controlo da mesma assim porque o adversário necessita de criar espaços e tentar o desarme para recuperar a bola. Então, a condução de bola é uma ação técnico-tática usada para aproximar a bola da baliza adversária, com segurança.




 

       Quais são as técnicas de condução de bola?


       Existem várias técnicas para conduzir a bola, que são efectuadas essencialmente com um dos pés. A condução de bola pode ser efetuada com a parte interna do pé, com a parte externa do pé, com a planta do pé ou então, para conduzir a bola de forma controlada, com o peito do pé. A condução de bola é uma técnica importantíssima da construção de 90 % do processo ofensivo, e por isso deve ser bastante evoluída nos jogadores através do treino. O treinador deve optar pelo pé do atacante e pelo lado de progressão para então desenhar os exercícios correctos para treinador devidamente os jogadores.


 

       Como efetuar a condução de bola correctamente?


       Antes de descrever algumas dicas importantes na condução de bola, quero referir que a condução de bola não é apenas correr com a bola controlada sem uma direção anteriormente definida. Um bom treinador reconhece que deve aproveitar a condução de bola aliada à inteligência dos jogadores para aumentar a potência e a dinâmica de toda a equipa. Sendo assim, refiro algumas dicas importantes para efetuar a condução de bola de forma correta:


 

        Cabeça levantada - esta característica define muito sobre a forma como um jogador corre com a bola, especialmente para os jogadores cuja função é cruzar ou criar oportunidades de finalização. Quando um jogador levanta a cabeça, precisa apenas de um segundo para estudar a posição dos colegas de equipa e dos adversários. Assim, pode estudar a melhor situação para si e para a equipa, seja continuar a conduzir a bola, cruzar ou passar para um colega de equipa.


        Proteger a bola com o corpo - é muito importante, especialmente se o portador da bola não está a efetuar um sprint, isto é, está a conduzir a bola devagar. Quando um jogador protege a bola com o corpo, a probabilidade de perder a bola é muito menor, assim como a probabilidade de conseguir uma falta a favor da sua equipa é muito maior.


       Efetuar pequenos toques com a parte interna do pé - esta é uma técnica para manter a bola dentro do raio de ação e em frente ao portador da bola. Assim, se um adversário tentar o desarme, o portador da bola tem mais hipóteses de manter  a posse de bola.


       Utilizar os dois pés da condução de bola - por vezes, é mais fácil tocar a bola com o pé mais fraco do que com o pé mais forte, evitando perder o controlo da bola momentaneamente. Assim, corre menos riscos de perder a posse de bola sem razão que possa ser aceite.


 

       Quais são os erros mais comuns durante a condução de bola?


       Existem vários erros que por vezes levam a uma má posse de bola e à perca de posse de bola. Estes erros devem ser corrigidos durante o treino para que a equipa não os cometa durante o jogo:


 

       O corpo não está na posição de base - é mais fácil partir da posição de base para o controlo de bola, do que do repouso para o controlo da bola, uma vez que entre situação de repouso e controlo de bola, o atleta irá sempre passar pela posição de base. Ao manter a posição de base, o atleta perderá menos tempo para entrar no controlo de bola.


       Não levantar o olhar - é tão importante levantar a cabeça para estudar a situação de jogo como é um erro grosseiro não levantar a cabeça. Através do estudo da equipa e do adversário, o portador da bola pode tomar decisões eficazes, que não podem ser tomadas apenas olhando para o chão.


       Toques na bola muito fortes - equivale a levar a bola para fora do raio do ação do portador da bola, e consequentemente aumentar os riscos de perder a posse de bola


       Atirar a bola para longe e correr atrás da mesma - por vezes, encontramos jogadores a utilizar esta estratégia. No entanto, esta estratégia apenas deve ser utilizada por jogadores experientes e em zonas altas do terreno, uma vez que as probabilidades de perder a posse de bola são elevadas


       Conduzir a bola com a ponta dos pés - esta forma de condução é muito irregular, e por vezes, nem mesmo o portador da bola sabe para que lado vai conduzir a bola, acabando por atrapalhar-se sozinho e correr riscos de perder a posse de bola.


 

       Em que momentos ofensivos pode um jogador efetuar a condução de bola?


       Quando o portador da bola está perto da baliza adversária, certamente que a pressão será bem maior do que se estivesse longe. Os jogadores mais dotados tecnicamente tem melhores chances de se aproximarem da baliza e os jogadores tecnicamente menos dotados tem menores chances de o conseguir. Será importante manter a cobertura bem efetuada para, no caso de perder a posse de bola, a equipa ter hipóteses de a recuperar rapidamente. Quando mais perto do alvo for efetuada a condução de bola, mais explosivo e imprevisível deve ser a movimentação do portador da bola. Os dois processos ofensivos mais usados na criação de situações de finalização a partir da condução de bola, traduzem-se por cruzamentos, sejam curtos ou longos, assim como atrair o adversário para um lado do campo para deixar vários espaços vazios, através da flutuação.


       Como representar a condução de bola?


       Como pode ser confimardo em todos os nossos exercícios, a simbologia usada pela nossa comunidade assim como a maior parte da simbologia utilizada em exercícios, a condução de bola é representada da seguinte forma:



       Artigos relacionados


bet365

Categories: Acoes tecnico-taticas

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

Already a member? Sign In

2 Comments

Reply josemir
5:48 PM on September 11, 2016 
muito bom material gostaria de mais conceitos sobre o mesmo.valeu muito obg.
Reply jose carlos
11:20 AM on August 7, 2014 
Ola amigo gostei do seu artigo, poderia nos dar alguns exemplos praticos como videos ou fotos de exercicios de conducao?
agradecido.