Teoria do Futebol

Tudo sobre Futebol, os metodos, os conceitos, os princípios, 
os processos e toda a organização tatica do futebol!

Artigos

Conhecer e pensar o jogo

Posted by Valter Correia on August 27, 2014 at 9:40 AM

 No dia que entrámos no futebol, não tem como voltar a sair, sem regressar atrasado no tempo. E nesse dia em que entrámos, abrimos uma gaveta que parece não ter fundo. Existe tanto para aprender, e a cada minuto que passa, o livro ganha uma nova página. Só quem está dentro do futebol, conseguirá perceber isso. Ou não. O futebol não é um mar de rosas, e para quem o vive por dentro, não é nem perto de ser fácil. E não é mais do que outra profissão qualquer, apenas envolve mais emoção em volta de uma dimensão que muitos querem entrar.


       Mas, quando muitos que o vivem por dentro, não o percebem, como querem os que estão fora, explicá-lo? Só precisamos abrir o computador, ligar à internet, e abrir um blogue ou entrar numa conta de uma rede social, que os mestres são mais que as mães. “Este joga aqui, este joga ali, o outro é melhor, e este não vale nada. Pior é o treinador, que não percebe nada de tática.” Quantas e quantas vezes, isto não é lido diariamente por esta internet fora? E quantas vezes, isso não será falado, em bares e conversas de rua.


       Mas isto é tática? Mas são estes assuntos, que resolvem os problemas ao treinador? Isto é apenas a realidade do futebol, e as emoções que o envolvem, que fazem dele tão grande quanto é. Qualquer treinador que almeje o sucesso terá de ultrapassar este tipo de dificuldades, ou se for mais correto, desafio.



       Agora, ouvir dizer que o futebol é um desporto praticado por um ser social, isso quase nunca ouvimos. No futebol, antes de lidarmos com estratégia, tática e treino, lidamos com alguém, com objetivos na vida, com qualidades, com defeitos, com personalidade diferente da nossa. Porquê falar em organização tática e esquecer a raiz, que é o ser humano?


       O futebol é um mundo de decisões e consequências. Não existe a sorte, mas sim o trabalho. Quem fala em sorte, certamente estará nervoso naquele penalti final da sua equipa. Mas para marcar um golo, que muitos apelidam de objetivo principal, ainda há muito trabalho para fazer. E onde há decisões, há riscos. Onde há consequências, há responsabilidades.


       Os melhores treinadores, analisam, fazem planos, e antecipam ou enfrentam as dificuldades de frente, sem medo, sem emoções, apenas com cabeça. Trabalham, pensam, desenvolvem, procuram compreender os meios que os envolvem, e como os desenvolver. Sabem que, antes de colocar um jogador em campo, precisam fazer com que ele o respeite. Sabem que precisam lidar de forma correta com os seus liderados, porque estes são pessoas, não máquinas que podem ser programadas. E quando olham para si mesmos, sabem que precisam acreditar que o seu trabalho dará certo, que não podem baixar os braços, e manterem-se seguros naquilo que acreditam.


       Eu não estou a criticar ninguém, nem o estilo de trabalho de ninguém. No entanto, quem está de fora (e muitos dentro), pode aprender os princípios do jogo, os métodos de treino, as táticas, e tudo aquilo que pode ser discutido. Agora, só quem vive futebol por dentro, e se esforça por compreendê-lo, é que o pode pensar. Porque o futebol é um fenómeno social, e isso é difícil discutir.


       Saber pensar o futebol, é o que faz falta discutir, mas só se fala de táticas….


bet365



Categories: Treinador de Bancada

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

Already a member? Sign In

0 Comments