Teoria do Futebol

Tudo sobre Futebol, os metodos, os conceitos, os princípios, 
os processos e toda a organização tatica do futebol!

Artigos

Como fazer um bom discurso

Posted by Valter Correia on July 8, 2012 at 2:45 PM

       No contexto geral, o futebol está em constante evolução. Já passou o tempo do "futebol técnico", estamos presentes na era do "futebol Tático" e a caminhar para o "futebol psicológico". Se o primeiro objetivo da história do futebol era marcar golo, os objetivos modernos são não sofrer qualquer golo como caminho para a vitória. Mais tarde, quando já todos os métodos defensivos e todos os processos estiverem estudados, serão precisos novos métodos e ideologias para superar o adversário. Assim, a equipa mais forte psicologicamente, será aquela equipa que provavelmente vencerá o jogo, seja pelo conhecimento tático dos jogadores, pela força de vontade e pela capacidade de cada atleta em aguentar a pressão psicológica, ao enfrentar multidões e mediatismos, como que obrigados a ser heróis a cada partida.


        Assim, o treinador é responsável por tomar a primeira atitude da equipa, elevando a moral do plantel. Mas, fica a questão: como o treinador faz isso? Através do treino semanal, e do discurso ou preleção antes de cada partida.


        Dicas para uma boa palestra


       Cada treinador tem a sua forma de discurar e as próprias tecnicas. As dicas seguintes podem ajudar qualquer treinador a melhorar a sua palestra



        Pesquise


        O que o treinador vai dizer é muito importante, e portanto, deve saber sobre o que vai falar. Faça uma pesquisa e/ou análise correta sobre o assunto em questão, note de os jogadores estão desanimados ou não, qual o tipo de pressão psicológica que irá incidir sobre o jogo e por aí fora. O treinador deve reconhecer que tipo de apoio os jogadores vão precisar, para saber cada uma das palavras que irá dizer.


        Fale diretamente nos sentimentos de cada atleta


        Se o treinador conhece bem os seus atletas, saberá como eles reagem psicologicamente a um determinado tipo de discurso. É crucial fazer com que cada um dos membros da equipa possa ser um herói, apenas jogando o que a equipa treinou e como se preparou durante a semana. Moral extra para relembrar os jogadores é muito importante


        A voz


        Ao iniciar o discurso, mantenha uma voz suave e branda. Conforme continua a palestra, aumente a voz, transmitindo a ideia que você acredita nos objetivos a que a equipa se propõe. Os atletas sentem energia positiva vinda do treinador, e também eles acreditarão que podem atingir os objetivos propostos.


        Nunca fique parado


        Durante a palestra, nenhum dos jogadores é o centro das atenções. Nem os adeptos, dirigentes ou qualquer pessoa que faça parte do jogo, sejam dentro ou fora das quatro linhas. Durante a palestra, o centro das atenções é você, e por isso, mantenha-se no centro das atenções. Mova-se de um lado para o outro, faça movimentos com os braços que incitem à confiança. O líder é o treinador, e os jogadores vão acreditar naquilo que o treinador acreditar.



       


     Pratique


        A sua respiração dever ser bem feita e a fala muito bem pausada. Respiração ofegante e descompassada certamente mostrará despreparo e insegurança. A pronúncia também deve ser bem treinada antes de qualquer preleção. É pelo seu jeito de falar que as pessoas avaliam o seu conhecimento


       Desenvolva o discurso


        O treinador deve ter sempre um discurso preparado sobre uma determinada ordem de ideias. Desenvolva o discurso em três partes distintas, mas de forma coerente:

  • A introdução
  • O desenvolvimento, o assunto principal do tema, os problemas e as sugestões
  • Fé, esperança nos objetivos, sentimento de segurança e finalização com agradecimento


        Faça um roteiro


        Se o treinador não tiver uma mente extremamente ativa e criativa em pequenos períodos de tempo, deve organizar sobre cada assunto que quer falar. Parece muito simples, mas começar pelo meio, leva a que nenhum atleta entenda a mensagem.


        Visite o local onde irá discursar


        Quantos menos imprevistos, melhor. O treinador deve visitar e conhecer o local onde irá discursar, ou por outras palavras, deve familiarizar-se com o espaço, evitando distrair-se com a decoração do espaço e diminuindo a ansiedade. Tente também ter uma conversa com alguém no espaço onde será feito o discurso


        Inclua uma história


        Se o treinador tiver uma passagem muito importante, deve passá-la aos jogadores durante o discurso. Entre miúdos e graúdos, todos gostam de histórias que os inspirem. Inicie a história com um título. Conte-a para que tenha ritmo ou cadência como se estivesse a contar um filme a alguém. Enfatize os pontos dramáticos, sejam tristes, felizes ou curiosos. E não enrole a história. Em vez disso, finalize com o título, e explique porquê escolheu determinado título


        Evite o humor


        O humor, é um excelente ingrediente, mas é para quem o sabe usar. A pouca prática pode arruinar um simples discurso e criar situações embaraçosas. O riso da plateia pode indicar que não estão a rir com você, mas de você


        Inverta a ordem das frases


        Encontrar um padrão na ordem das palavras de maneira que metade da frase seja uma imagem invertida da segunda parte da frase é uma técnica aliada a um bom discurso. Um exemplo para compreender esta técnica é: "Não tenham medo do adversário, mas façam com que o adversário tenha medo de vocês."

 


        Faça uso de repetições


        Para frases maiores e que transmitam confiança, faça uso de repetições de frases ou expressões menores. No exemplo a seguir, a expressão "Nós vamos lutar" foi repetida várias vezes: "Nós vamos lutar a cada minuto do jogo, nós vamos lutar por cada bola, nós vamos lutar contra todas as estratégias do adversário, nós vamos lutar por este jogo."


        Não seja ditador


        O esforço físico é dos jogadores, e não do treinador, logo, o prémio também é dos jogadores e não do treinador. Isso não significa que o treinador deve discursar como se fosse uma pessoa de menos valor que cada jogador. Deve sim, discursar, fazendo os jogadores perceber que também é um colega e que está ao lado deles. O uso da palavra "Nós" em vez da palavra "Eu" é um dos maiores exemplos para não transmitir uma imagem de um treinador ditador


        Procure


        Procure por discursos de grandes personalidades e experientes na matéria e perceba quais são as técnicas que eles usam. Procure por discursos de José Mourinho, Steve Jobs, Charles Chaplin, Al Pacino, Mel Gibson, entre outros, e não se esqueça dos livros e do mundo virtual da Internet.

 

       Se você é treinador, quais são as suas estratégias para moralizar os seus jogadores? Ou se é jogador, o que acha que falta ao seu treinador?



Categories: Psicologia e Comunicacao

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

Already a member? Sign In

0 Comments